Três conselhos para o novo ambiente de juros baixos

Updated: Aug 17





O Comitê de Política Monetária, Copom, reduziu pela quinta vez consecutiva a taxa referencial de juros da economia, a Selic, para 4,25%.


Sempre é bom lembrar que a taxa Selic é apenas referencial. As taxas que o tomador final observa no dia a dia são mais altas que essa. Para aqueles que querem realizar o sonho da casa própria, a taxa do financiamento imobiliário fica entre 7% e 8% ao ano. Para a aquisição de um veículo, a taxa média, de acordo com o Banco Central, é de 19% ao ano, quatro vezes maior do que a nova Selic.


O crédito consignado, por sua vez, tem taxa média de 18% para funcionários públicos e 22% para aposentados do INSS, menores do que a taxa de 33% para o trabalhador do setor privado.


Três conselhos neste novo ambiente de juros baixos. Primeiro, pesquisar no mercado as linhas de crédito mais baratas. Segundo, substituir uma dívida cara por uma mais barata. Terceiro, não cair no canto da sereia e aceitar qualquer oferta de crédito só porque o juro caiu. Evite endividar-se excessiva ou desnecessariamente.


E aproveite a melhora (moderada) da economia em 2020.

Receba nossos conteúdos!
  • Twitter - Black Circle
  • Spotify - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle
  • Facebook - Black Circle