O desemprego é o maior problema da economia brasileira.

Updated: Aug 17






A taxa de desemprego diminuiu no trimestre de agosto a outubro para 11,6%, menor do que a registrada no trimestre de maio a julho (11,8%) e no mesmo período do ano passado (11,7%). Apesar da taxa ser a menor apresentada para o mês desde 2015, a situação ainda é grave.


A taxa composta de subutilização, a soma dos desempregados, dos subocupados por insuficiência de horas trabalhadas e dos desalentados, está em quase 24%. (23,8%). Caiu na comparação o trimestre anterior (-0,8 p.p) e com o mesmo período do ano passado (-0,2 p.p). No total, são mais de 27 milhões de pessoas com problemas no mercado de trabalho.


Mas o ano ainda não acabou em termos de indicadores sobre o desempenho da economia. O PIB do 3º trimestre será divulgado na terça-feira. Um bom resultado deve aumentar as expectativas para o próximo ano e aumentar as esperanças de um crescimento mais robusto.


Já na sexta-feira sai o IPCA de novembro. O aumento do preço da carne e a desvalorização cambial devem contribuir para uma inflação significativamente maior do que a observada nos outros meses do ano. A GO Associados projeta que a inflação de outubro será de 0,43%.


Para além da economia, a semana será marcada pela COP 25 a ser realizada em Madrid acerca do meio ambiente que abordará temas que afetam o crescimento sustentado das economias nacionais.

Receba nossos conteúdos!
  • Twitter - Black Circle
  • Spotify - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle
  • Facebook - Black Circle