A lentidão na implementação das medidas de ajuda às pequenas empresas pode ser fatal...

Updated: Aug 19





O Programa de Apoio às Microempresas e Empresas de Médio Porte (PRONAMPE) foi sancionado um mês após a sua aprovação pelo Congresso Nacional, em 18 de maio, pela lei nº13.999/2020.


Agora, quase um mês após a sanção presidencial, o Secretário da Receita Federal, José Barroso Tostes Neto, informou que irá comunicar por carta as empresas aptas a buscarem o crédito emergencial.

A medida é mais uma tentativa do governo federal de fazer o crédito chegar as empresas menores, onde os canais de financiamento também são menores.

Os relatos dramáticos dos pequenos empresários na tentativa de conseguir crédito podem adiar ou mesmo frustrar as expectativas de recuperação da economia no curto prazo.

Empresas menores em geral apresentam menor capital de giro e capital para aguentar uma crise como a do novo coronavírus.

A obrigatoriedade de manutenção do quadro de funcionários estático é um problema para que as empresas sejam encorajadas a buscar o crédito. O ideal seria retirar essa amarra, o empresário não demite por vontade, apenas por necessidade.

Se as medidas anticrise forem bem aplicadas, o emprego certamente se manterá, não pela força de decreto, mas pelo próprio arranjo do mercado.

Receba nossos conteúdos!
  • Twitter - Black Circle
  • Spotify - Black Circle
  • YouTube - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle
  • Facebook - Black Circle